sexta-feira, 1 de outubro de 2010

sobre mentir

- me diz o que houve, por favor.
- não aconteceu nada. eu juro.

(…) e mentir foi a melhor forma de tentar mudar o foco dos olhares atentos. fingir um sorriso, ainda que torto, foi fácil; difícil foi o coração acreditar que eu estava mesmo fazendo aquilo, por isso me castigou - e foram infinitos minutos de silêncio e solidão em meio à multidão que sorria e festejava.

8 comentários:

  1. Gostei! Estou aguardando novas postagens *-*

    ResponderExcluir
  2. Achei o post bem legal. Parabéns pelo blog.

    Continue assim que ficará ainda melhor.

    Depois dá uma passada no meu blog e se gostar
    siga e comente.

    http://orytchasblog.blogspot.com

    Forte abraço

    ResponderExcluir
  3. parabéns!
    muito legal mesmo!

    seguindo!

    http://palavraturva.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Prestei mais atenção no texto hoje, e realmente gostei. Apesar de não ter deixado bem claro isso antes! Beijos :*

    ResponderExcluir
  5. Caramba, gosto muito do que você escreve. *-*

    ResponderExcluir
  6. "difícil foi o coração acreditar que eu estava mesmo fazendo aquilo, por isso me castigou".

    ResponderExcluir